Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Whatsapp bloqueou contas por suposto disparo de FAKE NEWS

Nesta sexta-feira (19) Whatsapp bloqueou diversas contas que estão sobre Investigação por disparar “Fake News” a um determinado candidato a Presidência do Brasil.

A Direção do aplicativo liberou uma Nota que fala sobre as providencias que tomaram, mediante as acusações.

“Conforme nossos termos e condições de USO, não é permitido nenhum tipo de divulgação do setor privado para promoção ou incentivo de votação para qualquer candidato.Certamente, todas as informações que relacionam o nome da SMS Market não passam de mentiras infundadas.”

O APP WhatsApp também afirmou que está investigando as empresas que estão infringindo as normas do aplicativo, após a denuncia do jornal Folha de S.P.

Na reportagem , o “Jornal” afirmou que empresários pagaram até R$12 milhões por serviços de disparo em massa contra o PT. As mensagens desmereciam o presidenciável Fernando Haddad, em pró ao presidenciável Jair Bolsonaro . Essa pratica não é só ilegal dentro das normas do APP, mas, também é ilegal e quebra as regras do TSE (Tribunal Supremo Eleitoral).

AS EMPRESAS NEGAM

O Empresário Luciano Hang dono da Empresa HAVAN, negou ter comprado qualquer tipo de impulsionamento. Ele também desafiou o Jornal que publicou a “suposta denuncia” a provar qualquer tipo de ligação dele com essas empresas de disparo automático.

SMS Market liberou uma nota no Facebook onde afirmou que as normas da empresa não permitem esse tipo de serviço. Afirmam também que, essa denuncia não passa de uma Informação infundada.

A QuickMobile, empresa mineira, encaminhou a notificação para o departamento Jurídico. E tomará as medidas necessárias contra essa afirmação, pois nunca fizeram esse tipo de serviço envolvendo Eleições Políticas.






Bloquear o APP até as Eleições

O PSOL entrou com uma representação pedindo que o TSE determine que o WhatsApp providencie isso em até 72 horas. Na solicitação o Aplicativo teria que restringir e limitar ao máximo, o compartilhamento, encaminhamento e transmissão de mensagens. Além de bloquear o tamanho de novos grupos na rede.

Porém Bloquear ou Censurar o APP como um todo para todos os usuários, interfere não só na liberdade de expressão. Mas, também fere a liberdade que tanto lutamos até hoje, contra ditaduras ou qualquer tipo de excesso nesse valioso direito constitucional!

Vamos aguardar!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.