Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

LULA vira réu por lavagem de dinheiro em negócio na Guiné Equatorial

Mais um processo em que o ex-presidente Lula virá réu, mas, dessa vez é por lavagem de dinheiro. E já não bastasse envolve a Guiné Equatorial. No processo diz que Lula supostamente recebeu R$ 1 milhão disfarçado de doação por intermediar negócios da empresa  ARG no país africano, diz MPF.

A denúncia foi apresentada em novembro deste ano pela Força Tarefa da Operação Lava Jato em São Paulo. Mas foi recebida pela Justiça Federal nesta sexta-feira (14).

As doações foram feitas para o instituto Lula entre entre setembro de 2011 e junho de 2012. A assessoria de imprensa alega que foram doações legalizadas e todas foram declaradas.

Além do ex-presidente, o MPF denunciou também o controlador do grupo ARG, Rodolfo Giannetti Geo, pelos crimes de tráfico de influência em transação comercial internacional e lavagem de dinheiro.

Como o ex-presidente Lula tem mais de 70 anos, o crime de tráfico de influência prescreveu em relação a ele.

Lula já está condenado e preso por outro caso!

Sua condenação foi de 12 anos por lavagem de dinheiro e corrupção no caso do triplex.