Dicas para combater a Insônia




A insônia se caracteriza pela incapacidade de conciliar o sono e pode manifestar-se em seu período inicial, intermediário ou final.
O tempo necessário para um sono reparador varia de uma pessoa para outra. A maioria, porém, precisa dormir de sete a oito horas para acordar bem disposto.
A insônia ocorre por fatores diversos, entre eles estão: expectativas, como por exemplo, provas, reuniões ou viagens; problemas de saúde, como depressão, ansiedade, dor crônica, estresse; ou o uso de medicamentos.
Separamos  neste artigo algumas dicas que podem aliviar os sintomas da insônia.

Evite:

Evite nicotina, cafeína e álcool: procure não consumir bebidas ou alimentos que contenham cafeína, como café, chá preto, chocolate, refrigerante, entre outros, porque agem como estimulantes, mantendo as pessoas acordadas. Os fumantes, de uma forma geral, tendem a ter um sono leve, em razão da ansiedade, e o álcool também prejudica no sono profundo. Tranquilizantes ou outras drogas estimulantes devem ser evitadas, exceto com acompanhamento médico.

Associe a cama ao sono:

“A cama deve ser restrita ao sono e as atividades sexuais”, ressalta o médico do sono Inoue. Isso porque, quando seu cérebro entende que a cama é um local de dormir, fica mais fácil fazer com que o sono venha. Agora, se você costuma comer, usar o computador ou mesmo ler um livro na cama, a sonolência pode ser tornar mais difícil.




Exercícios:

Faça algum exercício durante o dia, mas nada de exercícios exaustivos antes de deitar, ou você vai ficar “aceso”. O corpo extenuado ou excitado não é capaz de conseguir o relaxamento adequado para o sono.

Alimentação:

Comer demais ou comer muito pouco antes de dormir pode perturbar seu sono. Faça sua última refeição do dia pelo menos duas horas antes de pretender deitar (o ideal seria 3 horas).

Eletrônicos:

Nada de televisão, computador, tablet, videogame ou celular na cama e no quarto. Eles despertam, podem dominar sua atenção e ainda são iluminados, comprometendo o ambiente de descanso.

Não tente dormir até que sinta sono:

Para muitas pessoas, o ato de tentar dormir e não conseguir é extremamente estressante. É, sim, essencial que você se aqueça, relaxe o corpo e a mente, ou seja, que prepare o corpo para esse momento.




No entanto, não é indicado apagar as luzes, se cobrir e deitar para dormir se você não se sentir totalmente pronto para isso, visto que não conseguir pegar no sono pode deixar você irritado por precisar dormir, mas não conseguir. Por isso, é muito mais recomendado que você continue em suas atividades, relaxando por um pouco mais de tempo — mesmo que durma um pouco menos —, do que ficar irritado e agitado nesse momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.